Kenworth T680

Hidrogénio

Uma opção a longo prazo para a alimentação de camiões

 

Além de desenvolver veículos elétricos a bateria, veículos elétricos híbridos e de oferecer soluções para combustíveis alternativos, a DAF também está a considerar o hidrogénio como uma das opções na estrada para um transporte rodoviário ainda mais ecológico e sustentável. 

 
 

Alimentar camiões com hidrogénio

O hidrogénio é, certamente, uma opção a longo prazo para a alimentação de camiões. Na verdade, existem duas opções diferentes:

  • uma célula de combustível que utiliza hidrogénio para gerar eletricidade para alimentar o motor elétrico
  • ou a utilização de hidrogénio como combustível para o motor de combustão. 

Em ambos os casos, é possível uma redução de 100% nas emissões de CO2 quando se utiliza hidrogénio verde.


Testes iniciais

Juntamente com a Toyota e a Shell, a empresa-mãe da DAF, a PACCAR, tem explorado várias opções de hidrogénio. Os primeiros camiões movidos a hidrogénio já foram testados no porto de Los Angeles. As conclusões destes testes serão partilhadas com a DAF, para que possamos começar a experimentar a tecnologia na Europa. Se queremos alcançar uma verdadeira inovação com este tipo de tecnologia no futuro, é essencial que sejam dados os primeiros passos agora. E é exatamente isso que estamos a fazer.

 
 

Desvantagens atuais

No entanto, por muito promissor que possa parecer, a tecnologia de sistemas de transmissão para camiões movidos a hidrogénio ainda está na fase experimental e, por conseguinte, é muito dispendiosa. Além disso, o hidrogénio só está disponível em quantidades limitadas e tem de ser comprimido a uma pressão muito elevada (700 bar) a temperaturas extremamente baixas (-253 graus Celsius). De momento, também não existem infraestruturas de distribuição. De acordo com a DAF, teremos de esperar, no mínimo, 5 a 10 anos antes de o hidrogénio poder ser utilizado em grande escala.

 


Hidrogénio cinzento e verde

Existem várias formas de produzir hidrogénio. Uma destas implica a decomposição de combustíveis fósseis, o que produz CO2 e hidrogénio. Este hidrogénio é denominado "cinzento" porque é gerado a partir de um combustível fóssil. Outra forma muito mais ecológica de produzir hidrogénio é através da eletrólise. Isto implica passar uma corrente elétrica através da água, o que produz oxigénio e hidrogénio "verde" limpo. Infelizmente, apenas 10% da produção atual de hidrogénio é alcançada através da eletrólise. De momento, a maioria do hidrogénio é produzida a partir de carvão e gás natural por meios químicos, ou seja, mais CO2


 
 
 

Informações relacionadas